Fome azul – participe e apoie!

Financiamento coletivo no Catarse

Viola Di Grado

Capa Normal


AJUDE A DESVENDAR A CAPA DESSE LANÇAMENTO MISTERIOSO


Mais jovem vencedora do prêmio Campiello Opera Prima
Escritora finalista do prêmio Strega

Lançamento na Itália, EUA, Alemanha e Espanha
Obra censurada na China

Após a perda do irmão gêmeo, uma professora se muda de Roma para Xangai, onde passa a ensinar italiano em uma escola de idiomas. Em meio ao torpor do luto e o choque cultural, ela conhece a enigmática Xu, para quem entregará o seu corpo e sua mente até confundir os limites entre prazer e dor, afeto e desprezo, desejo e obsessão. Mas é justamente nessas tensões entre opostos, excitadas pelas luzes e sabores de uma cidade que evoca o melhor e o pior do Oriente e do Ocidente, que ambas vão saciar uma fome que vai muito além daquilo que os dentes podem mastigar.

“Uma prosa brilhante.”
– The New York Times

“Fome azul é das coisas mais instigantes que li nos últimos tempos.”
– Natalia Borges Polesso


“Aniquila todos os tabus, nos lembrando dos nossos sonhos mais bizarros e poderosos.”

– Rolling Stones Magazine


“Há livros que devoramos e há livros que nos devoram. Fome azul é os dois.”

– Eduardo Krause

Viola di Grado é uma escritora italiana, nascida em 1987, em Catania, à beira do vulcão Etna. É a mais jovem vencedora dos prêmios Campiello Opera Prima e Strega, além de ser mencionada como uma das vozes autorais mais representativas das últimas décadas no Dizionario Garzanti 2013. É bacharela em línguas orientais (chinês e japonês) pela Universidade de Turin e mestra em Filosofia do Leste Asiático pela Universidade de Londres. Além de ter publicado em revistas e antologias, é autora de seis romances, que receberam diversas honrarias e foram lançados em mais de quinze países. Fome azul mal estreou na Itália e já está sendo publicado nos EUA e aqui no Brasil, por NÓS TODES QUE ESTAMOS ENVOLVIDOS NISSO AQUI.

Título: Fome Azul
Autora: Viola Di Grado
Tradutor: Eduardo Krause
Literatura italiana / Romance

Edição:
Páginas: 192
Formato: 13,7×20,8 cm
Ano de publicação: 2022
Publicação original: Itália, 2022
ISBN: 978-65-5553-069-8
Dublinense

Você também pode gostar de…